O fantasma da Rua São Bento

Vitório 

5º Ano 

Há alguns anos, aqui em Bento Rodrigues, viveram duas mulheres muito amigas e inseparáveis.

No dia 26 de julho, “Festa de São Bento”, aconteceu um grave acidente de carro quando as duas mulheres vinham para festa e elas faleceram. No dia seguinte, ou seja, no segundo dia de festa, ao cair da noite, um homem andava tranquilamente pela rua de São Bento voltando para casa, quando ouviu passos que o acompanhavam. Teve medo… Mas tomou coragem e virou-se para ver o que era. Estremeceu ao perceber que eram criaturas muito estranhas, vestiam túnicas brancas e rosto tampado com capuz e exalavam cheiro de cravo de defunto. O homem teve vontade de sair correndo, mas estava ali, de frente para aquelas criaturas e precisava saber quem eram, então perguntou:

— Quem são vocês?

     Não obteve resposta. Desse modo, só lhe restava tirar o capuz dela para ver se descobria o mistério, mal sabia ele que algo terrível estava para acontecer. Assim que puxou o capuz, viu que não havia cabeça, então desesperado e de pernas bambas, subiu a rua toda correndo e rezando, mas não se salvou, antes que conseguisse alcançar a porta de sua casa, ele sentiu a sua cabeça se partindo e houve uma grande explosão. Seu corpo sem cabeça enrolado em uma túnica passou a acompanhar as mulheres acrescentando mais um na procissão das almas, que corteja a rua São Bento depois da meia noite no dia de festa.

     Então lembre-se!  Nunca fique até tarde na rua no dia da festa de São Bento, pois pode virar mais uma alma desta procissão.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s